segunda-feira, agosto 14, 2006

Orgulho ou incapacidade?

Passei estes últimos 15 dias de férias no sul de Espanha e reforcei uma opinião que já tinha sobre os espanhóis. Enquanto que os portugueses, tentam sempre falar a lingua estrangeira necessária à situação, os espanhóis, pelo contrário, parece que querem forçar os outros a tentar falar a língua deles.

Sempre ouvi dizer por essa europa fora que os portugueses têm uma especial aptidão para as línguas. Mas neste caso dos espanhóis, não me parece que seja inaptidão para falar uma língua estrangeira mas antes um teimoso orgulho em não querer nem sequer tentar falar, por exemplo, uma língua tão parecida com a deles como é o português.
Como em tudo, há sempre uma excepção para quebrar a regra e, felizmente, lá encontrei duas ou três excepções. Mas foram mesmo duas ou três. Durante os 15 dias que lá estive tive que comunicar com diversos espanhóis, quer no hotel, quer em cafés ou simplesmente na rua a pedir indicações. E foram mesmo apenas dois ou três que se esforçaram para que eu os percebesse.

Será simples orgulho ou mesmo incapacidade para falar outra língua? Cá para mim é mesmo orgulho no sentido pejorativo da palavra.

Bem... até à próxima, ou como dizem os espanhóis na Andalucia, "tá luego".

2 comentários:

sardanisca disse...

Eles têm é a mania que não percebem português.Se os insultares na língua pátria,percebem e muito bem.
Por isso é que gosto dos galegos.
Tão diferentes...

Pedro Fonseca disse...

É mesmo, os galegos são completamente diferentes.
Talvez por isso eles gostem mais dos portugueses do que do resto dos espanhóis...