quinta-feira, setembro 04, 2008

Cinema: semana de 28/08 a 03/09

Esta semana fui ver "Hellboy II: O Exército Dourado", "A Ilha de Nim" e "Terra de Bravos".

"Hellboy II: O Exército Dourado" é um filme de acção e ficção com Ron Perlman no principal papel.
Após a quebra de uma antiga trégua mantida há anos entre a humanidade e o reino da fantasia, o inferno na Terra está prestes a deflagrar. Um príncipe cruel procura despertar um avassalador e impedioso exército, formado por guerreiros mecânicos imortais, para acabar com a raça humana. Hellboy terá a difícil tarefa de impedir os planos do malévolo príncipe e do seu exército.
Este filme é muito semelhante ao anterior no que à qualidade diz respeito. Apesar da realização ser de bom nível, o argumento não é nada de especial. As cenas que eram para ter piada só conseguem efectivamente fazer rir por 3 ou 4 vezes, e as cenas de acção nem sempre foram bem conseguidas. As interpretações estão razoáveis. Em termos visuais o filme até está bastante bom e de resto até consegue entreter. Mas pouco mais.
Classificação: 7

"A Ilha de Nim" é uma aventura com Abigail Breslin, Jodie Foster e Gerard Butler.
Uma jovem menina habita uma ilha isolada com o seu pai cientista e comunica com um autor solitário sobre o romance que lê. É uma existência que espelha a sua personagem literária favorita, Alex Rover, o maior aventureiro do mundo. Mas Alexandra, a autora dos livros Rover, tem uma vida solitária na grande cidade. Quando o pai de Nim desaparece da sua ilha, um golpe de destino junta-a com Alexandra. Agora devem encontrar a força e coragem do seu imaginário herói, para conquistar a Ilha de Nim.
Apostar num filme em que a grande protagonista é uma miúda de 12 anos poderia ser considerado um risco. Mas quando essa miúda é Abigail Breslin, o sucesso é garantido. Depois de se ter estreado no cinema em "Sinais" quando tinha apenas 6 anos, Abigail Breslin não mais parou e continuou a fazer filmes cada vez com mais sucesso. Entrou em "A Educação de Helen" e 2 anos depois no seu grande sucesso "Little Miss Sunshine", que lhe valeu uma nomeação para os óscares, aos 10 anos de idade. Portanto, estamos perante uma grande actriz que levou este filme às costas. O filme tem excelentes imagens paisagísticas e grandes interpretações por parte de outros actores como Jodie Foster ou Gerard Butler, mas o argumento é básico, apesar que às vezes, para este tipo de filmes para toda a família, é o necessário. Em suma, estamos perante um filme de boa qualidade para toda a família em que os mais novos serão certamente os que saem da sala de cinema mais satisfeitos.
Classificação: 7


"Terra de Bravos" é um drama de guerra com Samuel L. Jackson e Jessica Biel nos principais papéis.
Esta é a história de quatro soldados que lutam para tentar recuperar a normalidade nas suas vidas, após uma longa missão no Iraque. De regresso aos Estados Unidos, cada um deles sente-se mudado e... deslocado.
Apesar de no início haver cenas de acção em pleno cenário de guerra no Iraque, depois o filme é demasiado parado. Depois de voltarem da guerra, a vida dos ex-combatentes desmorona-se, assim como o filme. Todos eles ficaram com sequelas, quer sejam físicas, quer psicológicas. E o filme mostra isso, e nada mais. Apesar de estarmos perante boas interpretações por parte dos actores, à medida que o filme vai chegando ao fim torna-se cada vez mais desinteressante (ao contrário do que costuma e do que deve acontecer). Portanto, este filme vale pela primeira meia hora e pelas interpretações.
Classificação: 6


Hoje estreiam 2 filmes:
  • "Mamma Mia!", uma comédia romântica musical com Pierce Brosnan, Colin Firth, Meryl Streep, entre outros.
  • "Pequeno Grande Dave", uma comédia com Eddie Murphy no principal papel.

A grande estreia da semana é, claro está, o musical com Meryl Streep. Parece-me um grande, grande filme e, ainda sem o ver, aposto já que vai ter algumas nomeações para os óscares.

Bom cinema ;)

3 comentários:

migas disse...

Tanto defendeste a presença do quim à baliza da selecção em prol do Ricardo...n foi?
E agora o que te apraz dizer depois do que aconteceu neste jogo que foi no mínimo idêntico ao que aconteceu no jogo com a Alemanha

Será que a capa de Ojogo irá ser idêntica como da outra vez?
duvido
Será que os paineleiros vão defender a presença de outro guarda-redes na selecção ? Tb acho que se vão esquecer...

Porquê estes dois pesos e duas medidas

Vá ,finjamos que não passou nada e tragam o ricardo de volta mas é rapidamente,senão quem vai de patins é o Prof.Queiroz,o outro promovido da comunicação social
Não há porcaria que o valha

Pedro Fonseca disse...

O Quim esteve seguro o jogo todo excepto no lance desse golo. O Ricardo tem vários lances durante um jogo que anda à nora. Como é possível que ainda haja alguém que não consegue ver isso??? Não volto a falar deste assunto de tão ridículo que é

migas disse...

É isso fazes bem

É melhor tapar os olhos ao que se passou.
então esteve seguro, menos num lance,que por sinal...até deu GOLO

Os frangos aconteceram depressa demais e nem sequer admites que foi igual ao jogo da Alemanha

Se fosse com outro,seria curioso saber algumas reacções

E eu é que já não falo mais

francamente